Presidente da Câmara defende a criação  da Guarda Municipal

Em seu primeiro mandato como vereador Rafael Correia Rodrigues, de 37 anos, obteve a maioria dos votos e foi escolhido presidente da mesa diretora da Câmara pelos próximos dois anos. Ele já tinha participado da eleição de 2008, ficando em 30º lugar com 134 votos.

Após 12 anos da primeira disputa resolveu se candidatar novamente, sendo o 8º mais votado com 260 votos. Ele disse que nesse intervalo concluiu a faculdade de ciências contábeis, casou-se, teve uma filha e agora se sente maduro e preparado para experiência na política que sempre fez parte da sua vida já que o pai, Athair Luiz Rodrigues “Maringá”, foi vereador e um dos fundadores do PSDB em Colina, partido em que Rafael sempre esteve filiado.

À frente do Legislativo Rafael disse que pretende reforçar ainda mais a imagem e a presença da Câmara na comunidade e dar suporte  ao trabalho de todos os parlamentares. “Nossa função enquanto presidente é dar condições para que os vereadores possam fazer o seu trabalho. Transparência, imparcialidade e principalmente independência no trabalho dos vereadores e das comissões será o principal norte da gestão da Câmara”. Acompanhe a seguir a entrevista com o novo presidente do Legislativo colinense.

Foi surpresa ou esperava o número de votos que obteve?

Não foi surpresa, fizemos uma campanha limpa e honesta, tendo como resultado a quantidade de votos suficientes para que chegássemos à vitória.

Por que quis ser vereador?

Desde de criança, aproximadamente uns 7 anos de idade, convivo com a política dentro de casa, tendo o meu pai como um dos fundadores do PSDB no município, presidente do partido, suplente a vereador, vereador e presidente da Câmara. Após todos esses anos, não poderia ser diferente, ele acabou se tornando minha inspiração. Além do mais, acredito que com minha vontade, capacidade e experiência posso contribuir positivamente para o nosso município.

Quais serão as prioridades como legislador?

Como legislador, não pretendo ter prioridades e sim tentar atender todos os setores que necessitam.

Qual será o primeiro projeto na Câmara?

Ouvimos muito durante a campanha a necessidade de melhorias no setor de segurança, onde a implantação da guarda municipal será um projeto bastante importante, mas sabemos que a autoria e responsabilidade deste projeto é do Poder Executivo. Tentarei elaborar e viabilizar junto ao mesmo para assim podermos possivelmente concretizar este projeto.

O que Colina necessita e não dá mais para esperar?

Creio que educação e saúde são prioridades, tendo uma parcela significativa no desenvolvimento social. Enfim, a implantação de uma faculdade presencial, seria de suma importância para o nosso município, inclusive beneficiando o setor econômico, como tantos outros.

Quais as principais reclamações do povo durante a campanha?

Durante a campanha, ouvimos muitas reclamações de todos os tipos, porém, as que mais chamaram atenção, foram para o setor de segurança e pronto socorro.

Vai se empenhar para tentar resolver essas reclamações?

Sim, tentarei sempre atender a todas as reclamações dos cidadãos colinenses  e, como citado acima, a guarda municipal já seria bastante importante para ajudar minimizar um desses problemas.

O contato com deputados é importante para conseguir recursos para o município?

Com certeza, são contatos fundamentais, não só com deputados estaduais e federais, como também governador, vice-governador e secretários estaduais. Irei me empenhar ao máximo para conseguir esses recursos que são de suma importância para nosso município.

Como analisa a renovação recorde do Legislativo, que reelegeu apenas dos atuais vereadores?

A renovação histórica é um reflexo da vontade do povo, porém, não podemos deixar de citar que três vereadores deixaram essa disputa de lado esse ano, facilitando o caminho para que isso acontecesse.

O salário do vereador é justo para a função?

Sim, o subsídio é justo, desde que os vereadores cumpram efetivamente as atribuições, sobretudo na fiscalização das ações do Executivo, produzam e fiscalizem o cumprimento de leis de interesse do povo.

Rafael teve a maioria dos votos dos demais vereadores e assumiu a presidência do Legislativo. 

 


Postado em 07/01/2021
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:4.157
Ontem:4.112
Total:16.752
Recorde:5.362
Em - 25/09/21