Semana de comoção e perdas para a Covid

O final de semana foi de profunda tristeza com a morte de três cidadãos que perderam a luta para a Covid-19. No sábado, 28, a notícia do falecimento da ex-primeira-dama Constância Moreno Sturaro, esposa do médico e ex-prefeito Dr. Adilson, causou comoção em toda a cidade. Ela tinha 72 anos e estava internada há vários dias em Barretos, mas não resistiu às complicações causadas pela doença.

A morte do contador, Flávio Tanioku, de 56 anos, também deixou todos em choque já que ele tinha descoberto a doença poucos dias antes de morrer. O contador trabalhava há 30 anos no Saaec e exerceu as funções normalmente até na segunda-feira, dia 22, afastando-se do cargo para realizar o tratamento em casa. No domingo, na hora do almoço, ele passou mal e veio a óbito. “Tanaka”, como era carinhosamente conhecido por todos, trabalhou a vida inteira no Saaec, seu único emprego, onde cativou grandes amizades e se aposentou no ano passado, mas continuava desempenhando as funções de contador.  Além de amigo da equipe de redação já atuou como articulista e colaborador deste semanário.

O médico colinense Dr. Paulo Neme, que residia em Lorena, também não resistiu às complicações do coronavírus e morreu na segunda-feira, 29, deixando os familiares e amigos de Colina estarrecidos. Dr. Paulo tinha 74 anos e estava internado desde o início de março. Ele foi prefeito de Lorena por dois mandados consecutivos, de 2005/2008 e 2009/2012. Seu corpo foi levado até o cemitério em carro aberto pelo corpo de bombeiros. Ele era muito estimado em Lorena onde se destacou pela atuação caridosa.

ETERNO BAIANO

Outra grande perda, ocorrida na terça-feira, 30, foi do aposentado Gildázio Leal “Baiano”, de 77 anos, que morreu de câncer. Ele ficou conhecido pelo trabalho de operador do projetor do antigo cinema, inclusive em  abril de 2012 foi tema de reportagem especial deste jornal, onde contava as histórias vividas no cinema que foi o auge do entretenimento dos colinenses nas  décadas de 1960 e 70. Uma delas ficou gravada ao contar que ia de carriola à estação ferroviária buscar os rolos alugados dos filmes que chegavam periodicamente de Ribeirão Preto e São Paulo para serem exibidos. Os mais longos, como “Os 10 Mandamentos”, um clássico regravado várias vezes, chegavam a ter 11 rolos para projeção na grande tela.

REGISTRO

Conforme boletim divulgado no último dia 30 pela Secretaria de Saúde, Colina contabilizava 34 mortes pela Covid. Até o momento foram diagnosticados 1.093 casos positivos, sendo que 1.035 foram recuperados, 24 estão em tratamento e deste total 16 estão em suas casas e 8 encontram-se internados (3 na UTI de Barretos e 5 na enfermaria do Centro de Enfrentamento).

 


Postado em 01/04/2021
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:3.201
Ontem:
Total:3.201
Recorde:3.201
Em - 15/04/21