Pedreira vence Estrela e é octacampeã do Veterano

Saúva, o capitão da Pedreira e demais jogadores recebem o troféu das mãos do prefeito Mi (também pedreirense) e do vice Ronaldo. 

O goleiro Birruga e capitão do Estrela, juntamente com o auxiliar Fumaça e o técnico Silvano, recebem o troféu de vice-campeã do prefeito, vice e vereadores
 

 

Pedreira e Estrela fizeram uma final que nem o melhor roteirista poderia imaginar. Com belas jogadas, gol relâmpago e definição apenas nas penalidades as equipes deram um show e escreveram seus nomes na história do esporte colinense
Depois de terminar o tempo normal em 1 a 1, o placar prevaleceu nos 30 minutos da prorrogação. A decisão foi para os pênaltis e nacobrança o goleiro Gustavo Parra “Alemão” defendeu o chute do zagueirão Marcelo Codéco. A Pedreira converteu e comemorou muito seutítulo do Veterano, superando a heptacampeã Coudelaria
O JOGO 
A Pedreira começou com mais vontade e quase abriu o placar com Robertinho, que cabeceou para fora. Neguinho e Fia tabelaram e chegaram perto. O Estrela aproveitava os contra-ataques, mas esbarrava na forte marcação da zaga. No 2º tempo os “galácticos” levaram perigo ao gol de Alemão que teve que trabalhar bonito para evitar o gol. O equilíbrio era evidente e prendia a atenção das centenas de torcedores que lotaram a arquibancada do Colina Atlético
Marrom recebeu cruzamento de Preta e acertou um canudo no canto para abrir o placar e comemorar muito. A torcida eletrizante do Estrela ficou triste por alguns minutos. Alguns, ainda de cabeça baixa, não viram o rápido lançamento que sobrou para André Codéco, de cabeça empatar e explodir em vibração. Haja coração
A vitória era o grande objetivo, então os times se lançavam ao ataque deixando a partida ainda mais emocionante. Porém o cansaço era visível e o placar ficou inalterado nos 30 minutos da prorrogação
O coração dos torcedores ainda tinha que suportar as tímidas cobranças de pênalti. Miguel, Zêlo e Biro converteram para os “galácticos”. Gil, Fia e Paulo para a Pedreira. Na sequência das cobranças alternadas, André fez para o Estrela e Robertinho para a Pedreira. E na quinta cobrança Marcelo Codéco foi para a bola e por ironia do destino, o melhor jogador da final foi barrado pelo goleiro Alemão que defendeu a sua cobrança. A Pedreira precisando apenas converter para ser campeã mandou Tiquinha para a cobrança e com a bola na rede de um lado e o goleiro do outro os alvirrubros correram para a torcida e festejaram muito o título do Veterano 2013.
 
Os times da Pedreira e Estrela que jogaram na final.
 
A torcida animou a final.
 
A disputa da partida.
 
A Pedreira na comemoração, a vice-campeã.
 
O goleiro Gustavo Parra "Alemão" defendendo o penalti cobrado pelo zagueiro Marcelo Codéco. Foto: Varlter C. Jr
 

Postado em 28/06/2013
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:5.387
Ontem:10.849
Total:16.236
Recorde:10.849
Em - 18/11/18