Apesar de terem mudado de nome anos, as placas das ruas Salvador Campagnon e Dr. Pedro Osvaldo Basso nunca chegaram a ser colocadas e  continuam com as antigas denominações. O mais incrível é que a Salvador Campagnon é a mesma rua da Câmara Municipal, onde as leis com as alterações  foram aprovadas pelos vereadores, que têm papel não de criarem projetos de lei, mas também de fiscalizar o seu cumprimento por parte do Poder Executivo.

A mais antiga, sancionada 17 anos, é a Lei nº 1.843, de 25/05/1994, que deu denominação de Av. Vereador Pedro Osvaldo Basso à Av. Dr. Manoel P. Fernandes, no trecho entre à Av. Cel. José Venâncio e Rua Antônio Paulo de Miranda.

A Rua Brigadeiro Faria Lima passou a denominar-se Salvador Campagnon em 08/04/82005, quando a Lei nº 2.473, de autoria do vereador Salomão Jorge Cury “Mãozinho”, entrou em vigor.

As placas, com as denominações incorretas, estão em três cruzamentos: entre as ruas Paulo de Miranda, José Marques de Oliveira e Av. Cel. José Venâncio. A falta de mudança das placas, além da confusão que causam, nos faz pensar qual a eficácia das leis, que acabam ficando somente no papel


Postado em 10/12/2011
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:2.647
Ontem:
Total:2.647
Recorde:2.647
Em - 19/10/18