Justiça condena servidores de Monte Azul por desvio de R$ 2,5 milhões

As informações foram divulgadas pela assessoria de imprensa do TJ paulista

A 13ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo condenou três servidores da Prefeitura de Monte Azul Paulista pelo crime de peculato. De acordo com a decisão, ao longo de sete anos eles subtraíram dos cofres públicos R$ 2,5 milhões. As penas foram fixadas em cinco anos; três anos e seis meses; e três anos e quatro meses de reclusão.

Dois dos servidores, valendo-se de seus cargos – um era chefe da seção de recursos humanos e o outro era coordenador da divisão de informática –, manipularam o sistema de fechamento da folha de pagamento para que lhes fossem creditadas quantias diversas do apontado em seus contracheques e muito superiores ao que deveriam receber. O terceiro servidor beneficiado pelo esquema era motorista da Prefeitura, mas muito amigo dos envolvidos. Segundo o entendimento do TJos exames periciais e documentos apresentados não deixaram margem para dúvidas sobre a transgressão.

As informações foram divulgadas pela assessoria de imprensa do TJ paulista

Fonte: O DIÁRIO


Postado em 30/01/2016
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:222
Ontem:8.395
Total:19.466
Recorde:10.849
Em - 18/11/18