POLÍCIA DETÉM MENOR E APREENDE ARMAS E MUNIÇÕES

O assalto a uma loja de celular no Terminal Rodoviário na tarde de segunda-feira, poderia ter acabado em tragédia. A imagem da câmera de segurança mostra que a bala, disparada do revólver do assaltante, passou entre a cabeça do comerciante e do cliente, que por muito pouco não foram atingidos. Um outro comerciante ficou ferido ao ser atingido por um vidro que o assaltante pegou em cima do balcão e jogou no seu rosto.

O assaltante da loja na rodoviária, que tem 16 anos, foi detido no mesmo dia pela PM que também apreendeu armas e munições em sua residência.  A fragilidade das leis, que protegem os menores infratores, foi um dos temas da reunião dos comerciantes que aconteceu na sede da ACIC na manhã de terça-feira. O mobilização foi acompanhada pela imprensa local e regional e teve, inclusive, o fechamento das lojas por alguns minutos como sinal de protesto.

A redação encaminhou ao comando do Batalhão da Polícia Militar, em Barretos, perguntas sobre a sequência de roubos, estatísticas e o atraso no atendimento ao assalto em um posto de combustível, cometido na noite do dia 20, mas, até o fechamento desta edição, não tivemos retorno. Os roubos, que têm assustado a cidade inteira, estão relatados nesta coluna policial.

QUASE UM ASSALTO POR DIA

A sequência de assaltos teve início no dia 17, às 23h50, quando um indivíduo armado entrou numa lanchonete da Rua Alfredo Simões, exigindo que o comerciante entregasse o dinheiro do caixa. A demora na entrega enfureceu o bandido, que atirou um pote de vidro que estava sobre o balcão no rosto do comerciante, que ficou ferido e precisou procurar atendimento no Pronto Socorro. A agressão, além de abrir um corte no supercílio que precisou de pontos, deixou hematomas no rosto da vítima. A ação também contou com um 2º bandido que ficou esperando do lado de fora numa moto. Eles fugiram sem roubar nada, tomando a direção do Parque Débora Paro. Os dois não foram identificados porque além dos capacetes tinham blusas enroladas na cabeça. A PM foi acionada, mas não foi possível localizar os bandidos.

A dupla de motoqueiros novamente causou medo aos funcionários de um posto da Av. Ângelo Martins Tristão no dia 18, às 21h30. Os dois, com arma em punho, chegaram ao estabelecimento e anunciaram o assalto, logo em seguida o frentista escutou o barulho de um estampido, parecido com um tiro e saiu correndo retornando minutos depois, dando falta do seu celular. Um dos criminosos entrou na loja de conveniência, roubando R$ 250,00 do caixa. Como usavam capacetes não foram identificados.

Dois meses depois do último assalto, em que os frequentadores tiveram os celulares roubados, um bar da Av. Cel. Antenor Junqueira Franco novamente foi alvo dos bandidos no dia 19, às 23h30, quando dois elementos adentraram o estabelecimento com os rostos encobertos. O proprietário estava se preparando para fechar. Os marginais o ameaçaram dizendo que se não entregasse todo o dinheiro iriam matá-lo. O comerciante também ficou surpreso quando os bandidos revelaram que também queriam o dinheiro que estava no carro. Eles roubaram cerca de R$ 1.000,00 e fugiram em direção ao Jardim Hípico. A PM, juntamente com a Força Tática, efetuou patrulhamento nas imediações, porém sem êxito.

No dia 20, às 21h, foi a vez de um posto de combustíveis da Av. Luiz Lemos de Toledo ser assaltado por três bandidos, todos com os rostos cobertos por camisetas e dois deles armados com revólveres. O valor roubado não foi divulgado. Segundo informações, a polícia chegou ao local depois das 23 horas.

Três adolescentes entraram numa loja de celulares que funciona num dos boxes do Terminal Rodoviário na tarde de segunda-feira, sendo que um deles ofereceu um celular ao proprietário, que recusou. Eles viram dinheiro sobre a mesa e 17 minutos depois, às 15h27, o menor, de 16 anos, que tinha oferecido o celular retornou ao estabelecimento, desta vez com outra roupa e com a cabeça coberta por um capuz. Ele chegou correndo na loja, efetuando disparo com um revólver, calibre 38. O tiro passou entre o comerciante e o cliente, que quase foram atingidos. O comerciante entregou o dinheiro que tinha no caixa ao bandido, que fugiu sentindo Parque Débora Paro. O assaltante contou que escondeu a roupa usada no roubo e o dinheiro na mata do lago. Pelas imagens da câmera de segurança, os PMs Felici e Gonçalves imediatamente reconheceram o autor e juntamente com a Polícia Civil deslocaram-se para a casa do menor na Pedreira, onde após uma busca minuciosa foram apreendidos um revólver calibre 38, garrucha, notebook, tchaco de alumínio, 4 munições 38 (2 intactas e 2 deflagradas), 1 de garrucha “picotada” e dois celulares. O menor, que confessou o crime, foi detido e encaminhado à cadeia de Severínia. A roupa e o dinheiro não foram localizados no local mencionado.

Revólver, garrucha, munições, tchaco e celulares apreendidos na casa do menor, autor do roubo na loja da rodoviária.

APREENSÃO DE 1.530 TIJOLOS DE MACONHA EM RIO PRETO

A Polícia Rodoviária apreendeu na noite de sábado 1.530 tijolos de maconha em Rio Preto. Os traficantes, presos em flagrante, transportavam a droga em dois veículos interceptados na altura do km 433 da Rodovia Washington Luís (SP-310). Após serem alertados por um frentista de um posto de combustíveis, em que os bandidos abasteceram sem pagar, os policiais montaram campana antes da abordagem, encontrando a droga que foi encaminhada para perícia. Os autores foram indiciados por tráfico e associação ao tráfico, além de receptação e adulteração de sinal de veículo automotor.

A grande quantidade de droga formou uma imensa pilha.

TRAFICANTE, DE 17 ANOS, PRESO NA VILA GUARNIERI

Ao avistar a viatura que fazia patrulhamento no dia 22, às 11h, na Rua 8 da Vila Guarnieri, um adolescente, de 17 anos, empreendeu fuga sendo capturado no momento em que pulava o muro de uma casa em construção. Durante a perseguição ele dispensou uma lata contendo 22 cápsulas e um invólucro de cocaína (17g) e 26 invólucros de crack (3g). O menor foi detido, ficando à disposição da justiça.

A droga que estava dentro da lata, que o traficante dispensou antes de ser capturado pelos PMs.

FURTO DE MOCHILA EM GUARDA VOLUME

No dia 20 um promotor de vendas estava prestando serviço num supermercado e guardou a mochila no guarda volume, mas ao apanhá-la foi informado que a mesma havia sido retirada por outra pessoa. Ele solicitou as imagens das câmeras que mostraram que a mochila tinha sido furtada por dois rapazes. Ele foi até a residência de um deles e recuperou a mochila, que continha apenas os cartões bancários. A carteira com os documentos e a quantia de R$ 280,00 não foi localizada. A vítima acionou a PM que foi atrás do segundo ladrão que fugiu. O outro foi conduzido à delegacia, onde compareceu a sobrinha do ladrão que fugiu trazendo a carteira e os documentos do promotor de vendas que estavam dentro de uma caixa junto com os pertences do tio. O dinheiro desapareceu e o autor foi liberado.

Uma bicicleta foi furtada durante a noite de uma residência na Rua Luiz Gustavo da Costa Cubas – Colina E. O proprietário disse que estacionou a bike embaixo da janela e quando foi pegá-la na manhã do dia 16 não a encontrou.

PORTE DE DROGA E RESISTÊNCIA

Após ser encontrado um cigarro de maconha (1g) em seu poder, na tarde do dia 22, um rapaz, de 33 anos, confessou que havia mais uma quantidade do entorpecente dentro do seu quarto. Os PMs foram até a residência, mas seu pai relutou em deixar a equipe adentrar o imóvel para apreensão da droga. Diante do impasse o autor se propôs a entrar na casa e entregar o entorpecente aos policiais. Nesse momento o genitor foi em direção ao filho, tentando tirá-lo da custódia policial tendo início um desentendimento que acabou lesionando os PMs. Com a situação contornada foi feita uma varredura no quarto do autor, sendo localizada uma embalagem plástica com sementes de maconha (1g) e rolo de papel filme parcialmente consumido. Tanto os PMs como pai e filho foram atendidos no PS e as declarações médicas anexadas à ocorrência. Os dois foram apresentados na delegacia e liberados após os procedimentos de praxe.


Postado em 27/02/2016
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:1
Ontem:6.010
Total:42.793
Recorde:10.619
Em - 18/05/15

Warning: fopen(estatisticas/contador.txt) [function.fopen]: failed to open stream: Permissão negada in /home/ocolinen/public_html/estatisticas/contador.php on line 55

Warning: fwrite() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/ocolinen/public_html/estatisticas/contador.php on line 56

Warning: fclose() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/ocolinen/public_html/estatisticas/contador.php on line 57