“Segurança pública não é responsabilidade da Polícia Militar”, diz capitão Hannickel

A sequência de assaltos à mão armada, inclusive com tiro, mobilizou o comércio na manhã de terça-feira, dia 23, que protestou fechando os estabelecimentos por alguns minutos. As vítimas de roubo também estiveram reunidas na sede da Associação Comercial, cobrando providências que em 6  dias foram 5 assaltos, ou seja, quase um por dia.

O protesto despertou inclusive a atenção da EPTV, que esteve em Colina para a gravação de reportagem que foi exibida no último sábado. Este semanário também deu destaque ao assunto na edição da última semana.

A reportagem procurou o capitão André Luiz Hannickel, comandante daCompanhia em Guaíra, para falar sobre o assunto. Ele informou que a PM vem trabalhando em ações de polícia ostensiva e preventiva com o objetivo de coibir os furtos e roubos.  

“Quando se fala em segurança pública não é correto voltar os olhos somente para a Polícia Militar, visto que esta instituição é apenas uma de um sistema amplo, o qual é composto também pela Sociedade Organizada, Poder Público Municipal (Executivo e Legislativo), Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Técnico Científica, Ministério Público, Judiciário, etc”, explicou Hannickel que frisou ainda, “a Polícia Militar, como componente mais visível do sistema de segurança pública do país, entende a importância da integração das atividades policiais com as instituições que formam o sistema de segurança pública e de justiça criminal, em nível municipal, estadual e federal, de acordo com as áreas e parâmetros definidos pelo Governo do Estado. Assim, estamos à disposição de todas as Instituições para discutir e colaborar com o aperfeiçoamento do sistema, atuando, de maneira integrada, em atividades de prevenção e repressão à criminalidade, sempre em prol do bem comum”.

Ele destacou também que “toda atividade que possui alguma ligação com a segurança pública envolve altos investimentos e exige, dos diversos profissionais componentes do sistema, o planejamento e a execução de medidas que busquem antecipar-se às ações criminosas, sempre contando com a imprescindível e constante evolução da legislação penal e processual penal do país, evitando a impunidade e a reincidência criminal”. Acrescentou, “a ocorrência de crimes traz consigo uma bagagem que nem sempre está à vista das pessoas, mas devem e muito ser consideradas, tais como: crise econômica, política, social e moral que atravessa o país; leis arcaicas e brandas que servem para gerar a impunidade; população com famílias desestruturadas, sem educação, sem cultura, sem valores, sem sentimento de pertencimento, etc”.

PM TEM REALIZADO SEU PAPEL

Quanto aos roubos ele informou que a PM está trabalhando na tentativa de reduzir os índices, ou ao menos mantê-lo num nível aceitável. “É certo que nas últimas semanas tivemos a ocorrência sequencial dos roubos, o que realmente assusta o cidadão. Contudo está havendo uma pronta resposta”.

A Polícia Militar identificou os autores de alguns roubos, sendo então informada à Polícia Civil e o Ministério Público, que expediram mandado de busca e apreensão aos infratores.  “No prazo de um mês um total de 10 criminosos foram presos em Colina, numa clara demonstração de que a Polícia Militar tem realizado seu papel”.

O Capitão Hannickel também relatou os índices criminais, que “só demonstram que a PM está trabalhando muito para levar mais segurança à população, empenho este demonstrado no aumento do número de prisões e apreensões”. Ele pediu que a população redobre a atenção e ajude no combate à criminalidade, mantendo um zelo maior com o patrimônio particular e do vizinho, acionando a PM quando observar pessoas estranhas e veículos diferentes no seu bairro. O Capitão se colocou à disposição para a realização de uma audiência pública na Câmara para discutir sobre segurança.

Capitão PM Hannickel destacou a integração das atividades policiais com as instituições que formam o sistema de segurança pública.


Postado em 04/03/2016
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:1.982
Ontem:2.867
Total:4.849
Recorde:2.867
Em - 15/11/18