“Mesmo sendo menor, ladrão terá que pagar pelo que fez”, exige comerciante

Desde que a Fred’s Presentes foi roubada na tarde de quinta-feira, dia 10, o comerciante Luiz Henrique Parro não pensa em outra coisa a não ser na prisão do ladrão, menor de idade, que participou de outros assaltos cometidos na cidade e ainda não foi detido pela polícia.

“A gente sabe que a lei protege os adolescentes, mas não tem problema. Vou todo dia à delegacia e continuarei cobrando até ele pagar pelo que fez. Alguma coisa tem que acontecer com ele, seja o que for. Não é possível que o cidadão de bem passe por esse trauma e fique de mãos atadas. Pelo menos me resta o direito de cobrar a solução do caso”, desabafou o comerciante.

O assalto aconteceu às 14h40 quando o adolescente entrou na loja de cara limpa, como um cliente comum e pediu para a funcionária mostrar algumas correntes. De repente ele apontou a faca e a ameaçou, ordenando que colocasse as peças das prateleiras dentro de uma sacola que tinha trazido com ele. Durante o roubo também abriu a porta e puxou a cunhada do comerciante, que tinha acabado de chegar, para dentro da loja.

“Em nenhum momento ele perguntou pelo dinheiro, levou as peças e os três celulares que estavam em cima do balcão. Ele ainda estava em frente à loja quando minha funcionária saiu gritando, dizendo que tinha sido assaltada. A rua tinha bastante movimento, mas ninguém fez praticamente nada. Temos que nos unir, dar informações, não ter medo e ir atrás dos nossos direitos”, relatou Parro que garantiu que vai continuar cobrando a polícia.

Ele também lembrou um ponto importante: a receptação que é a maior incentivadora de crimes. “Todo mundo sabe quando um produto tem a procedência duvidosa porque sempre é vendido por um valor bem abaixo do mercado. Se não tiver para quem vender os marginais não terão porque roubar os produtos. É um mal que se pode cortar pela raiz mas, infelizmente, todo mundo quer se dar bem”.

A audácia do bandido, que roubou a loja em plena luz do dia e com uma bicicleta, indignou o comerciante. “Está muito fácil, os bandidos nem se preocupam com as câmeras de segurança. Como nada acontece, estão deste jeito, cada vez mais audaciosos”. Depois do roubo o adolescente fugiu com a bicicleta que deixou em frente à loja. Na fuga, um quarteirão à frente da loja, a “magrela” do bandido quebrou e ele pegou outra que estava na rua.

A polícia iniciou as investigações e segundo informações o ladrão fugiu para o Jardim Santa Lúcia e de foi para Barretos, onde está escondido e até o momento não foi localizado. A funcionária foi até à delegacia reconhecer quatro indivíduos suspeitos detidos nas imediações do estabelecimento, mas nenhum foi o autor do roubo. A loja teve um prejuízo de mais de R$ 2 mil.

A Fred’s Presentes, no centro da cidade, também foi vítima dos bandidos em plena luz do dia


Postado em 18/03/2016
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:5.329
Ontem:
Total:5.329
Recorde:5.329
Em - 12/11/18