Mesmo com o sol escaldante do verão, a garotada não abre mão de bater uma bolinha. Todos os dias, de manhã e a tarde, dezenas de jovens participam dos treinos das escolinhas de futebol promovidas pela Secretaria de Esportes, nos campos da cidade.
Mas será que outros esportes também não merecem o mesmo tratamento? Na cidade existem alguns projetos e de basquete e vôlei, porém ainda relativamente embrionários e, consequentemente, sem atrair muito adeptos.
Os outros esportes necessitam de mais apoio e incentivo. Esta história de sermos o país do futebol é como diria o jargão “é para inglês ver”, afinal não conquistamos a última copa, como a maioria apostava e a cada ano caímos na classificação da FIFA.
Nem de futebol vive um país, uma cidade, precisamos olhar as coisas por outros ângulos. Devemos descobrir e revelar novos talentos no vôlei, basquete, tênis, natação.
Pois é, a natação, considerado o esporte mais completo, infelizmente vive no total esquecimento aqui em Colina. Um complexo aquático bem que poderia fazer parte dos projetos políticos futuros para a cidade. Com certeza isso agradaria a todos, dos 8 aos 80 anos.
Quem sabe na cidade não temos um novo Giba, um novo Gustavo Borges ou então um novo Oscar Schmidt apenas esperando para ser descoberto.

Postado em 17/03/2012
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:5.718
Ontem:5.896
Total:11.614
Recorde:5.896
Em - 16/10/18