Conselho de Educação elege representantes

Secretária esclareceu dúvidas e revelou retorno do EJA

Secretária Bete fala ao público na assembleia.

Em assembleia geral ordinária realizada na tarde do último dia 22, no auditório da Secretaria de Educação, aconteceu a eleição dos representantes do Conselho Municipal de Educação para o biênio 2017/19.

A reunião foi presidida pela atual presidente do CME, Nilza Aparecida Morales e auxiliada pela professora coordenadora e responsável pelo expediente da Secretaria de Educação e Cultura, Elizabete Milani Neme, que esclareceu ao público sobre a composição, competência e relevância do Conselho, conforme disciplinado na Lei nº 3.108, de 30/6/15 e Decreto nº 3.763, de 27/11/2015, Lei de Criação e Regimento Interno respectivamente.

ATRIBUIÇÃO DO CONSELHO AINDA NÃO É NORMATIVA

Antes de proceder a eleição dos membros titulares e suplentes da sociedade civil e do Poder Público pelos pares de cada representatividade, a secretária respondeu algumas perguntas feitas pelo público, esclarecendo que existe uma articulação da Secretaria de Estado da Educação com os professores para que os municípios tornarem-se sistema. “Colina vai aderir ao sistema municipal a partir do ano que vem para 2019. Como isso ainda não é possível o Conselho não é normativo O município não tem a gerência da escola estadual e do ensino particular porque não dá para propor normas”, explicou Bete que também disse que na eleição do próximo Conselho pode ser proposta uma modificação na lei para inclusão de alunos das escolas estadual, particular e do EJA – Educação de Jovens e Adultos.

RETORNO DO EJA

“A atual administração quer o retorno do EJA considerando que a EMEF ‘Cel. José Venâncio Dias’ já oferece o curso técnico e superior à noite. Está tudo organizado com a Diretoria de Ensino para a matrícula antecipada em outubro”, esclareceu.

A secretária também disse que o CME não tem orçamento para trabalhar e a Secretaria de Educação dá todo apoio para a realização de reuniões, deslocamentos dos membros, uso de material, equipamentos, etc.

LIVRO DE ATAS: RELATÓRIO LEGÍTIMO

Ela também informou que o livro de atas, que é a vida do Conselho, começou em 1998 e o que está em uso atualmente foi aberto em 2010. “Neste livro tem tudo que é discutido. O relatório são as atas das reuniões que são um registro legítimo do que é feito. O livro de atas sempre é solicitado pelo Tribunal de Contas quando das auditorias periódicas”.

Após as explicações, os pares reuniram-se em grupos para a eleição dos membros suplentes e titulares da Rede Municipal de Ensino, que ficou assim definida:

Representantes dos Professores de Provimento Efetivo:membros titulares - Andréa Polizelli Moreira, Juliana Aparecida Bonardi de Souza, Maria Tereza Geraldo Barbosa, Luciana Perroni Basso, Dilma Gregório Ramos, Rosane Costa e Simone Polizelli Milani Inocêncio. Suplentes - Ana Rosa de Carvalho, Adriana Aparecida Constantino, Márcia Tereza Espanhol Cardoso, Marcela Jorge Drubi, Maria Luiza Pacheco Moreira, Luzia Rosária Cubas Porfirio e Marlene Simionato Monteiro.

Representantes de Diretores de Escola:Ágata Aparecida Martins Puga e Ivania Aparecida Fernandes. Suplentes: Suzana Jirardi Rajab e Silvania Aparecida Peguim.

Representantes dos Trabalhadores de Provimento Efetivo:Denise dos Santos Ângelo de Souza e Maria Alice das Dores Genovez Thomé (suplente).

Representantes Pais de Alunos das Associações de Pais e Amigos – APMs:Márcio Simioni e Isabel Cristina Milani Garcia; suplentes – Jane Antonia Carvalho Vieira e Dirce dos Santos Inamônico.

Representantes dos Estudantes do Ensino Médio/Profissionalizante:Carolina Pires de Oliveira Franco e Lara Helena Fernandes; suplentes – Mayra Nogueira Rama e Maria Eduarda Lima Ricciardi.

Também foi anunciado os membros indicados pelo Poder Legislativo: Marco Moralles e Célia Regina Lopes; de Instituição Filantrópica de Educação Especial: Maria Alice M. Polizelli e Fernanda M. Drubi Martins, do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente: Sílvia Maria Moreira e Graziela Souza Dassie. A indicação do Poder Executivo é feita pelo prefeito.

Os eleitos, juntamente com os indicados por suas respectivas entidades serão nomeados por ato administrativo do chefe do Executivo, empossados e posteriormente elegerão a diretoria composta de presidente, vice-presidente, 1º e 2º secretários.

O auditório da Educação foi totalmente ocupado.


Postado em 01/07/2017
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:1
Ontem:6.010
Total:42.793
Recorde:10.619
Em - 18/05/15

Warning: fopen(estatisticas/contador.txt) [function.fopen]: failed to open stream: Permission denied in /home/ocolinen/public_html/estatisticas/contador.php on line 55

Warning: fwrite() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/ocolinen/public_html/estatisticas/contador.php on line 56

Warning: fclose() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/ocolinen/public_html/estatisticas/contador.php on line 57