VÁRIAS RESIDÊNCIAS SÃO FURTADAS

Um morador da Rua Padre José Figuls – Jardim Taninha saiu de casa na noite do dia 10 e quando retornou, por volta das 23h, deparou-se com a janela do quarto arrombada, constatando o furto de uma fritadeira, micro-ondas, forno elétrico, TV 58’, gabinete computador, monitor, frigobar, adega climatizada de 12 garrafas, caixa de som portátil e 4 garrafas de bebidas.

Um cachorro e um botijão de gás foram furtados do interior de uma residência na Rua Adriano Augusto Cabral – São Sebastião durante a madrugada do dia 9. O morador disse que a porta de entrada permanece sempre destrancada, o que facilitou a entrada do ladrão.

Na noite do dia 6, um morador da Rua Luiz Camargo – Vila Fabri deixou o imóvel e retornou no dia seguinte após ser avisado que a porta do cômodo tinha sido arrombada. Ao chegar ao local percebeu que a porta foi aberta com uma cópia da chave, sendo furtado um celular e caixa de som com pendrive.

Uma bicicleta foi furtada durante a noite do dia 8 do cômodo dos fundos de uma residência na Av. Cel. José Venâncio. A vítima só constatou o furto pela manhã quando precisou da bicicleta e não a encontrou.

No último dia 31, por volta das 18h, um homem deixou a caminhonete estacionada, com duas bicicletas na caçamba, em frente à empresa na Av. Engenheiro Sebastião Luiz Piai. Ao retornar ao veículo, algum tempo depois, constatou que uma das bikes tinha sido furtada.

Um pintor foi almoçar no dia 4 e deixou as chaves da Parati nos fundos do prédio na Av. Luiz Lemos de Toledo, onde está executando um serviço. A carteira, contendo documentos pessoais, cartões bancários e dinheiro, foi furtada do porta-luvas do veículo. O trabalhador disse que a chave estava no mesmo lugar deixado quando retornou do almoço e que o carro não tinha sinais de arrombamento.

Na madrugada do dia 4, aproveitando-se da ausência da moradora da Rua Tiradentes, ladrões arrombaram a porta de ferro da cozinha que fica nos fundos da casa e furtaram monitor de computador e um botijão de gás.

A bateria de um ônibus foi furtada na madrugada do dia 2 em frente à residência do motorista, que fica na Rua 21 de Abril – Patrimônio.

APREENSÃO DE PANFLETOS

Diante de solicitação do prefeito Dieb, a Polícia Militar fez a apreensão de cerca de 4 mil panfletos que estavam sendo distribuídos na cidade na manhã de segunda-feira. Segundo consta, além do prefeito alguns vereadores também registraram ocorrência alegando que o panfleto não tinha o nome do editor e gráfica responsáveis, apenas a inscrição “MPC – Movimento Popular Colina” e que continha informações de teor inverídico e ofensivo. A Polícia Militar apreendeu os panfletos e os entregadores, de Barretos, teriam informado que foram contratados por duas mulheres colinenses, representantes do Movimento Popular. Ainda, segundo consta, estas mulheres foram intimadas a depor na Delegacia de Polícia. As informações foram colhidas de forma extraoficial já que o Boletim de Ocorrência não foi liberado à imprensa.

INCÊNDIO EM FAZENDA

O proprietário de uma área rural às margens da vicinal Renê Vaz de Almeida avistou uma grande cortina de fumaça na tarde do dia 6 vindo da fazenda vizinha. Ao verificar percebeu que as chamas já tinham invadido  às suas terras, bem como a vegetação de outra propriedade próxima. O fogo começou no acostamento das devidas propriedades e se alastrou rapidamente. As chamas foram controladas por caminhões pipas, solicitados pelo agricultor.

GOLPE BANCÁRIO

No último dia 30, um aposentado de 61 anos, residente na Rua Assad Abraão Daher – Jardim Moleiro, recebeu a ligação de um funcionário do banco onde possui conta perguntando se havia emitido um cheque no valor de R$ 935,00. A vítima disse que não e foi conferir o canhoto do talão, verificando que o valor correto do cheque com aquela numeração era R$ 57,88. Ele então foi até a empresa, estabelecida em Colina, onde deu o cheque e conseguiu resgatá-lo. O cheque foi devolvido pelo banco porque não havia saldo suficiente na conta do correntista.

POLICIA FEDERAL COMBATE PESCA PREDATÓRIA NO RIO GRANDE

A Polícia Federal usou Barretos como base para a Operação Rio Grande, desencadeada para combate à pesca predatória em Colômbia e Planura. A ação conjunta com a Polícia Ambiental teve cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão expedidos pela Vara Federal de Barretos. Os alvos foram os envolvidos em esquema de financiamento de pesca predatória entre a ponte Gumercindo Penteado e a usina hidrelétrica de Porto Colômbia. “A operação foi necessária para que o rio voltasse a viver”, afirmou o delegado da PF, Guilherme Biagi. A operação apreendeu mais de uma tonelada de peixes, armas, munição, redes, tarrafas e motores de popa. Mais detalhes no site O COLINENSE

ACIDENTES DE TRÂNSITO

Na manhã do dia 4, uma CG Titan EX seguia pela Av. Luiz Lemos de Toledo quando uma Biz azul, que trafegava pela Rua General Osório, não obedeceu a sinalização de “pare” e adentrou a avenida, causando a colisão entre as duas motos. O condutor da Titan foi socorrido ao atendimento de emergência com ferimentos e o motorista da Biz fugiu, mas foi identificado pela vítima.

Mais um acidente aconteceu na tarde do dia 6 na Av. Rui Barbosa. A condutora de um Novo Fox trafegava com o veículo pela avenida quando um Santana, estacionado em vaga com sinalização para deficiente físico, adentrou a faixa de rolamento, ocorrendo o choque entre os veículos. O motorista do Santana disse que estava manobrando o carro para estacioná-lo no momento da colisão e que estava com fortes dores nas costas.

O condutor de um Agile estacionou o veículo na Rua 2 do Jardim Primavera no dia 7, por volta das 23h. Algum tempo depois escutou um forte barulho vindo da rua e constatou que outro carro havia se chocado com o seu. Testemunhas disseram que a batida foi causada por um Gol, não identificado.


Postado em 15/09/2018
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:4.747
Ontem:
Total:4.747
Recorde:4.747
Em - 15/10/18