Lutcho e André representam o Brasil nos Jogos Sul-Americanos

Competição acontece neste final de semana e pode garantir vaga para o Pan 2019

CAPA - Os cavaleiros colinenses Luciano Miranda Drubi “Lutcho” e André Parro fazem parte da equipe brasileira do Concurso Completo de Equitação que disputa os Jogos Sul-Americanos, que acontecem de hoje até sábado em Buenos Aires, na Argentina. Uma boa colocação carimba o passaporte para o Pan e a Olimpíada.

Lutcho e André disputam o CCE pelo Brasil na Argentina.

 

Os cavaleiros Luciano Miranda Drubi “Lutcho” e André Parro estão na Argentina onde integram a equipe brasileira de CCE (Concurso Completo de Equitação) que disputa o Sul-Americano, que acontece de hoje até domingo em Buenos Aires.

A Confederação Brasileira de Hipismo está custeando a maior parte das despesas. “Se não participássemos do Sul-Americano a chance de classificação do Brasil para o Pan e a Olimpíada iria por água baixo”, destacou Lutcho.

Os cavaleiros disseram que o Sul-Americano tem um significado especial porque se classificam apenas três times da América do Sul para o Pan 2019. “A responsabilidade é muito grande. Se não ficarmos entre os três primeiros perdemos a vaga para o Pan e, consequentemente, a chance de ir para a Olimpíada. É no Pan que se conquista a vaga para os Jogos Olímpicos”, disseram os cavaleiros.

A situação ainda se complica porque os Estados Unidos, que não conseguiu a vaga no Mundial, vai brigar no Pan. “Também tem o Canadá e México que são equipes fortes e estão no páreo. O caminho é esse ficar entre as 3 equipes no Sul-Americano e no Pan entre as duas. Desde 1992 o Brasil nunca ficou de fora da Olimpíada e se não for na próxima será uma ausência de 8 anos, o que é muito ruim para o hipismo brasileiro”, declarou Lutcho. “Não adianta nada termos o índice individual se o Brasil não conseguir a classificação. Estamos falando de equipe e o objetivo é o Brasil. Se fizermos o que sabemos temos chance sim de conquistar a vaga e sonhar com o Pan”, destacou André. Os cavaleiros já têm o índice para o Pan no individual.

A equipe do Brasil de CCE no Sul-Americano também é formada pelo tenente Luiz Fernando de Oliveira Varanda/Oneron do Rincão e capitão Vinícius Albano Almeida Leal/Oportuno do Rincão, ambos do Exército. Albano estava como reserva, mas passou a integrar o time brasileiro depois que o cavalo de Márcio Appel se contundiu, inviabilizando sua participação. André compete com dois cavalos, CDC Super Star e Belladonna e Lutcho com Riviera Lu.

Cavaleiros colinenses Luciano e André que com seus cavalos formam os conjuntos da equipe brasileira que disputa o Campeonato Sul-Americano de CCE.

COLINENSES CONQUISTAM BONS RESULTADOS

Novos talentos também vêm sendo revelados na Capital Nacional do Cavalo. No último final de semana os jovens colinenses Breno Melo e Antônio Paro Marques participaram do Concurso de Salto Nacional do Haras Agromen, em Orlândia.

O evento reuniu centenas de cavaleiros de todo país. Os colinenses competiram na categoria 90cm, juntamente com 45 cavaleiros de várias idades. Breno ficou em 5º lugar e Antônio em 6º. O instrutor Robertinho e familiares comemoraram a boa classificação dos cavaleiros que vêm se destacando em provas regionais.

Instrutor Robertinho junto aos cavaleiros Breno e Antônio.


Postado em 20/10/2018
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:4.340
Ontem:2.867
Total:7.207
Recorde:4.340
Em - 16/11/18