Falta de funcionários tem deixado Casa da Agricultura fechada

CAPA - Agricultores e pecuaristas procuraram este semanário para saber o motivo pelo qual a Casa da Agricultura tem permanecido fechada. A reportagem manteve contato com o Centro de Comunicação Rural da CATI (Coordenadoria de Assistência Técnica Integral) em Campinas e obteve a explicação de que a falta de servidor tem causado o fechamento do local em algumas ocasiões. Segundo informou o órgão, há apenas um funcionário que também atende outras Casas da Agricultura na região, também com falta de funcionários.

A assessoria disse que não tem intenção de fechar as Casas da Agricultura paulistas.

Casa da Agricultura de Colina que tem estado fechada por vários dias, mas continua em atividade, não de forma permanente como antes.

 

Muitos agricultores procuraram este semanário para saber o motivo pelo qual a Casa da Agricultura de Colina tem ficada fechada por vários dias. A reportagem entrou em contato com o Cecor – Centro de Comunicação Rural da CATI - Coordenadoria de Assistência Técnica Integral, em Campinas, que informou que a unidade em Colina tem apenas um funcionário do quadro de apoio que atende todas as solicitações referentes ao município.

“Em algumas ocasiões o servidor pode não ser encontrado porque também presta serviço em outras unidades da Regional Barretos, que abrange 18 municípios. Entre suas atividades estão o levantamento de dados do município (produção/produtividade agrícola, preços, atualização dos cadastros das propriedades, entre outras demandas que surgem frequentemente)”, explicou o Centro de Comunicação.

Os inúmeros casos de aposentadoria de servidores da CATI e os concursos públicos realizados não têm reposto os funcionários na mesma proporção. Dessa forma, em 306 municípios do Estado existe um convênio com a Prefeitura Municipal, por intermédio do Sistema Estadual Integrado de Agricultura e Abastecimento (SEIAA), no qual estão disponibilizados 663 servidores municipais, sendo 493 técnicos de nível superior e 170 administrativos que, junto com os servidores da CATI, reforçam o atendimento nas Casas da Agricultura. “Excepcionalmente, quando não existe mais o técnico da CATI e não se viabiliza o convênio com o município, o Escritório de Desenvolvimento Rural responsável tem realizado o atendimento nessas Casas de Agricultura em esquema de plantão”.

O Cecor esclareceu ainda que “não existe, por parte do Governo Estadual, uma política de fechamento das Casas da Agricultura visto que são consideradas a porta de entrada da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, principalmente nos pequenos municípios, cuja economia depende fortemente da atividade agrícola. Além de orientar sobre políticas públicas, crédito rural, programas e projetos, novas tecnologias de manejo as Casas de Agricultura dispõem de equipe de extensão rural, que identifica as necessidades dos agricultores e sugere novas ações baseadas em seus anseios. A CATI mantém 594 Casas da Agricultura, em praticamente todos os municípios com atividades agrícolas”.

Os agricultores e o público podem se dirigir à Casa da Agricultura de Colina ou entrar em contato pelo fone 3341-1290 para agendar o atendimento. O funcionário Alexandre Pereira, responsável pela unidade em Colina, também colocou à disposição o fone 98135-8164. A comunicação também pode ser feita pelo faleconosco@cati.sp.gov.br.Caso não consiga contato o interessado deve ligar na Casa da Agricultura de Barretos (3322-8482) ou no Escritório de Desenvolvimento Rural (3322-8700), onde a demanda será levantada e realizado o agendamento com o produtor rural e ou o cidadão interessado.

ATENDIMENTO SEMANAL

A Casa de Agricultura de Jaborandi também tem ficado fechada por falta de funcionário. Um técnico é deslocado uma vez por semana para atender os produtores rurais. Em caso de necessidade os mesmos podem procurar respaldo nas entidades já citadas, em Barretos.

Casa da Agricultura tem ficado fechada por falta de servidor. O órgão foi instalado em Colina em 1960 e sempre prestou relevantes serviços ao setor agropecuário.


Postado em 08/12/2018
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:6.258
Ontem:
Total:6.258
Recorde:6.258
Em - 21/09/19