Municípios como Colina podem pleitear até R$ 300 mil em recursos para infraestrutura

Assunto foi tema do Seminário de Gestão Pública que teve a participação de prefeitos e vereadores

Prefeito Dieb com o governador João Doria durante o evento.

O governador João Doria foi o idealizador e anfitrião do 1º Seminário de Gestão Pública realizado no último dia 19 no Palácio dos Bandeirantes. A iniciativa inédita reuniu mais de 1.500 gestores de todas as regiões do Estado, dentre eles 503 prefeitos.

O prefeito Dieb participou do evento e assinou termo do Programa “Respeito à Vida – São Paulo Dirigindo com Responsabilidade” que já havia solicitado adesão para o desenvolvimento de ações na redução dos acidentes de trânsito.

Os vereadores Célia, Henrique e “Liu” também participaram do seminário que projetou a liberação de investimentos no valor de R$ 230 milhões às administrações municipais, de acordo com o número de habitantes.

Os colinenses se encontraram com o ex-vice-prefeito Ronaldo Daher, assessor do secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, um dos palestrantes do seminário que teve dois blocos: “Inovação em Gestão Municipalista” e “Novo Governo”. O seminário ainda teve como palestrantes os secretários Henrique Meirelles (Fazenda), Rodrigo Garcia (Governo), Vinícius Lummertz (Turismo) e Patrícia Ellen (Desenvolvimento Econômico).

Segundo os critérios da Secretaria de Desenvolvimento Regional, cidades com até 20 mil habitantes, como é o caso de Colina, poderão pleitear até R$ 300 mil, sendo que o valor sobe dependendo do tamanho da cidade, podendo chegar ao máximo de 700 mi reais para municípios com até 100 mil habitantes.

As prefeituras já podem apresentar os projetos para obras urbanas e pavimentação, recapeamento de vias, construção e reforma de escolas e praças. Os pedidos apresentados serão avaliados pela gestão estadual e, a partir da aprovação, os recursos serão liberados mediante contratação dos serviços e medição de cada etapa das obras. “As novas diretrizes do governo foram expostas aos prefeitos no seminário. Apresentamos programas que qualificam, focalizam e modernizam as políticas públicas, pactuando resultados e investindo na descentralização dos recursos”, explicou o secretário Vinholi. Em contrapartida, o Governo de São Paulo exigirá que as prefeituras atendam as metas de gestão pública pré-estabelecidas: aumento no número de matrículas em creches, pré-escolas e ensino fundamental; redução da taxa de mortalidade infantil, queda no número de mortes por homicídios e em acidentes de trânsito.

O evento teve início de manhã e se estendeu até o começo da tarde com palestras sobre governança e resultados, projetos e metas, gestão descentralizada e digitalização de processos. Também foram apresentados novos programas aos prefeitos e lideranças, como “Cidades Inteligentes”, “Sem Papel”, “Parcerias Municipais” e “Canal Direto SP + Perto”.

Vereadores Henrique, Célia e “Liu” com Ronaldo Daher que é assessor do secretário estadual Marco Vinholi.

Secretário Estadual Marco Vinholi, um dos palestrantes do seminário.


Postado em 29/06/2019
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:14.034
Ontem:
Total:14.034
Recorde:14.034
Em - 15/11/19