Fim da biometria indica redução do número de eleitores

Na quinta-feira, 31, último dia do prazo da biometria o Cartório Eleitoral atendeu 298 eleitores. O movimento foi intenso durante todo o dia tanto que o cadastramento terminou às 20 horas.

Os portões foram fechados às 18h e somente as pessoas que já estavam no Cartório fizeram a biometria. O atendimento foi prioritário para aqueles que tinham agendado o comparecimento, sendo que os demais foram atendidos por ordem de chegada. Em Colina, dos 14.793 eleitores 11.361 fizeram a biometria, ou seja, 76,80% do eleitorado. Jaborandi, que tem um número menor de eleitores, a biometria atingiu uma porcentagem maior da população. Dos 5.127 eleitores  4.271 (83,30%) foram cadastrados no novo sistema de votação.

“O percentual de cadastrados foi satisfatório levando em conta o número de eleitores que compareceram em outros municípios, onde o cadastramento já se encerrou. O que dá para garantir é que o eleitorado de Colina e Jaborandi será reduzido nas próximas eleições dada a ausência de quantidade expressiva de eleitores no processo biométrico”, explicou Carlos Humberto Campos Júnior, chefe do Cartório, que esclareceu: “foram cadastrados em Colina os eleitores que possuem domicílio eleitoral no município. Cumpre esclarecer que o conceito de domicílio eleitoral abrange não apenas as pessoas que, efetivamente, aqui residem, pois engloba também as que mantém algum vínculo aqui como parentes, relação de emprego, etc”.

Perguntado se a biometria foi uma forma de contar os eleitores, Campos Júnior respondeu que este não é o principal objetivo. “A biometria é uma tecnologia que confere mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. Acoplado à urna eletrônica, o leitor biométrico confirmará a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, armazenadas em um banco de dados e transferidas para as urnas eletrônicas”.

CADASTRAMENTO CONTINUA

Todos os títulos não cadastrados estão passando por processo de cancelamento no TRE, mas o eleitor que não fez a biometria poderá regularizar a situação e votar nas próximas eleições. Para isso deve procurar o Cartório até meados de maio do ano que vem para fazer a biometria que continua.

O movimento foi intenso no último dia do cadastramento e lotou o cartório eleitoral.

 


Postado em 09/11/2019
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:19.237
Ontem:
Total:19.237
Recorde:19.237
Em - 22/11/19