Dia 19 – Sábado

19h – Missa na matriz

 

Dia 20 – Domingo

09h30 – Missa na Matriz

19h – Missa na Matriz

 

Dia 23 – Quarta-feira

19h30 – Missa com novena na Matriz

 

Dia 24 – Quinta-feira – Dia de São João Batista

19h30 – Missa na Matriz em louvor a São João Batista

 

  “A TEMPESTADE ACALMADA”

 

As leituras deste próximo final de semana nos fazem refletir sobre o sentido do sofrimento humano e sobre a certeza de que, nas adversidades e tempestades da vida, o Senhor caminha conosco. As provações que a vida nos apresenta não são sinais da ausência de Deus, pois ele se preocupa com os dramas humanos, cuida da criação com amor, inspirando e apontando caminhos de superação.

A leitura de Jó 38,1-11 – nos diz que o Senhor é forte e se manifesta por meio das forças da natureza. Apresenta o lamento de Jó que finalmente recebe a resposta divina. Deus lhe fala como verdadeiro amigo e companheiro, sempre presente com sua força majestosa, capaz de dominar a natureza. Jó, por meio de sofrimento e provações, aprende que há alguém maior do que seu sofrimento.

No evangelho de Mc 4,35-41 – Marcos narra a história da tempestade acalmada para refletir sobre as dificuldades da Igreja primitiva depois da partida de Jesus. A comunidade enfrentou enormes adversidades, que se assemelhavam a uma grande tempestade em alto-mar. Somente a presença de Jesus consegue devolver a calma e possibilitar o prosseguimento da viagem com serenidade e tranquilidade.

A leitura de 2Cor 5,14-17 – garante-nos que nosso Deus não é um Deus indiferente, que abandona o ser humano à própria sorte. Paulo recorda que Cristo se entregou à morte por nós e fomos redimidos por seu amor, por isso morremos para o pecado para ter a vida em plenitude com Ele.

Neste próximo domingo celebramos também o dia mundial do migrante e do refugiado. O Papa Francisco nos recorda que as pessoas deslocadas nos proporcionam a oportunidade de encontrar o Senhor, mesmo que nossos olhos sintam dificuldades em reconhecê-lo com as vestes rasgadas, os pés sujos, o rosto desfigurado, o corpo chagado e a cultura diferente da nossa.   

 

Pe. JOSÉ ROBERTO ALVES SANTANA - Pároco


Postado em 17/06/2021
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:1.602
Ontem:
Total:1.602
Recorde:1.602
Em - 31/07/21