Dia 23 – Quinta – feira

20h – Missa na comunidade SS. Cosme e Damião – CDHU 1

Dia 24 – Sexta-feira

20h – Missa na comunidade N. Sra. Perpétuo Socorro – Faz. Brejo Limpo

Dia 25 – Sábado

19h – Missa na matriz

20h – Missa na comunidade S. Antônio – Faz. Estiva

Dia 26 – Domingo

08h – Missa na Matriz

09h30 – Missa com as crianças na matriz

10h30 – Batizados na matriz

19h – Missa na matriz

Dia 28– Terça-feira

20h – Missa na comunidade S. Francisco de Assis – Jardim Hípico  

Dia 29 – Quarta-feira

19h30 – Missa com novena na matriz

20h – Reunião de preparação á Festa de São José

 

“EM JESUS, O REINO DOS CÉUS IRROMPE COMO LUZ”;

 

O centro da liturgia da Palavra da celebração deste próximo final de semana é a inauguração do ministério de Jesus na Galiléia, conforme o relato de Mateus 4,12-23. Esse acontecimento compreende o inicio do anúncio do Reino dos Céus, com a exigência de conversão o chamado dos primeiros discípulos como colaboradores da sua missão e pequena síntese da sua atividade libertadora. Mateus e sua comunidade interpretam isso como o cumprimento da profecia de Isaias, que anunciou, quase oito séculos antes, o surgimento de uma grande luz iluminando a marginalizada e sofrida Galiléia, região que tinha acabado de cair nas mãos do império assírio e vivia uma situação de trevas. Por isso o evangelho se harmoniza tão bem com a leitura de Isaías 8,23 – 9,3. De fato, o anúncio e o fazer acontecer do Reino dos céus por Jesus, com sua coerência e liberdade, são como uma luz brilhando nas trevas, ou seja, têm um efeito transformador maravilhoso.

O Reino dos Céus, no entanto, pode ser ofuscado e deixar de brilhar como luz quando nas comunidades há divisões e rivalidades.

Isso ocorre quando Cristo deixa de ser o centro da vida das pessoas e das comunidades. A leitura de 1Cor 1,10-17 – mostra que isso estava acontecendo na comunidade de Corinto e indica como Paulo procurou resolver esse problema. O Reino se manifesta e nós vemos a luz de Cristo somente quando ele mesmo é o centro da nossa existência. Por isso a conversão é indispensável! 

Pe. JOSÉ ROBERTO ALVES SANTANA - Pároco


Postado em 25/01/2020
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:1.671
Ontem:892
Total:2.563
Recorde:1.671
Em - 19/06/21